3-10-2

“It’s hard to talk about such an enchanted book with so many details weaved into its pages. Thirteen completely caught me”.

October 3, 2017 , In: novidades , With: No Comments
0

“It’s hard to talk about such an enchanted book with so many details weaved into its pages. Thirteen completely caught me”, Blog Cá entre Nós.

Link: http://www.oblogcaentrenos.com.br/2017/09/resenha-treze-fml-pepper.html

Avaliação: 5 estrelas favoritado

A resenha de hoje trata-se do mais novo lançamento da autora FML Pepper, cuja seus primeiros livros da trilogia “Não Pare” conquistou vários leitores ao redor do Brasil e desta vez não seria diferente. “Treze” vem com uma proposta de trazer o misticismo aliado aos dias atuais, com uma mistura de romance e suspense que nos deixa vidrados do inicio ao fim e já ganhou um espaço como uma das melhores leituras que realizei este ano.

No livro conhecemos a história de Rebeca, ela é uma hacker muito inteligente, mas que infelizmente usa este dom para fazer roubos junto com a sua mãe Irsa. Alguns dias antes de realizar o seu último roubo e mudar para sempre a sua vida, Rebeca vai até um parque de diversões com a sua amiga Suzy, que pretende visitar uma cigana. É claro que Rebeca não acredita em nada daquilo, para ela somente os números podem lhe dar resultados reais e o seu ceticismo não há deixa ter fé ou acreditar em qualquer crença.

No parque, Rebeca insiste que Suzy não visite a cigana Madame Nadeje, insistindo que ela pode ser uma charlatã. Mas a amiga mesmo contra a sua vontade, faz uma sessão com a cigana e deixa Rebeca ainda mais irritada por voltar chorando e argumentando que a cigana, realmente sabia algumas coisas intimas dela. Mas Rebeca disposta a não acreditar em nada disso, vai em busca do seu carro para ir embora dali, no entanto, um temporal acaba pegando-a de surpresa e quando finalmente está no conforto do seu carro, vê Madame Nadeje na chuva e pondera sobre dar ou não uma carona para aquela mulher.

Escolhendo ser gentil, Rebeca oferece uma carona para a cigana que resolve presenteá-la com uma previsão. Segundo Madame Nadeje, o futuro roubo de Rebeca não dará certo, sua segunda faculdade será proveitosa e seu namorado de número TREZE será o amor da sua vida. Rebeca é claro não acredita em nada daquilo e vai para casa tentando esquecer o que a cigana disse.

“Viva um dia de cada vez. Alegre-se com o hoje, com o agora, como se fosse o último instante da sua vida…”

Mas no dia do grande roubo, tudo acaba dando errado e Rebeca começa a pensar se aquela previsão não estava certa, principalmente quando anos depois, ela encontra um homem que tem todas as características que se adequam ao que Madame Nadeje disse, no entanto ele não é o número treze e mas pode acabar sendo, pelo menos é o que ela pensa.

Karl é um jovem ex lutador de MMA, após um término muito triste com a sua ex namorada, ele acaba sofrendo um acidente de moto e mesmo sobrevivendo após meses em coma, acaba ganhando um carma para toda vida: um coágulo no cérebro, inoperável e que pode se romper a qualquer instante. Decidido a mudar de vida, Karl tenta ser mais calmo e evitar brigas, no entanto, quando Rebeca aparece, ele sabe que toda as tentativas de se manter calmo irão pelo ralo.

“Não deixe para demonstrar seu carinho amanhã, faça-o hoje; se possível agora. O futuro nem sempre chega e deixamos de saborear o que temos hoje em detrimento de algo que não sabemos se vivenciaremos amanhã. (…) O tempo é precioso? Claro que sim! Mas o mais importante é como você o utilizará, o que você fará com o milagre de piscar e continuar a respirar. Ame um dia de cada vez. Viva um dia de cada vez. Alegre-se com o hoje, com o agora, como se fosse o último instante da sua vida. Experimente a felicidade, aceite-a apaixonadamente e de braços abertos. Viva o presente com alegria e esperança porque, como o próprio nome diz, é um presente de Deus. O grande prêmio de despertar a cada manhã, de amar e ser amado. Desista de tentar ter controle sobre tudo. A vida é mesmo um mistério. Então, aproveite-a.”

É difícil falar de um livro tão rico em detalhes e cheio de encanto entrelaçados em suas páginas. Treze foi uma história que me fisgou do inicio ao fim, torci o tempo todo pela Rebeca e também pelo Karl, me irritei, fiquei emocionada e muito feliz ao chegar no final da história e ler lições valiosas nessa história. A escrita da FML Pepper continua incrível, consegue nos envolver e ser muito fluída. Não tenho nenhuma crítica a fazer, somente elogios, pois o livro consegue prender o leitor no inicio, meio e fim.

A Galera Record caprichou muito na edição, a capa está belíssima e a diagramação simples e condizente, como é padrão da editora não encontrei nenhum erro ortográfico. O que me deixou mais contente, foi poder encontrar a autora na Bienal do Livro/Rio de Janeiro e esta foi tão simpática e atenciosa, que meu coração transbordou de alegria. Só posso dizer que recomendo essa história a todos os leitores, mas principalmente para aqueles que gostam de um romance com um toque sobrenatural e muitas emoções envolvidas.

“Ouça sua intuição. O resto entregue nas mãos de Deus”.

There are no comments yet. Be the first to comment.

Leave a Comment