Bienal de Alagoas

Ufal apresenta site e primeiras atrações da Bienal do Livro de Alagoas e eu sou uma delas!!!! #feliz

June 17, 2017
0

Ufal apresenta site e primeiras atrações da Bienal do Livro
Mariana Lima / 12:17 – 06/06/2017
Evento toma o Centro de Convenções de 29 de setembro a 08 de outubro deste ano, tendo Bicentenário de Alagoas como pano de fundo

O ano é de crise financeira, cada vez maior crise política e a conjuntura não está nada favorável às manifestações culturais. Mesmo assim – ou exatamente por isso – a Universidade Federal de Alagoas (UFAL) mantém a preparação da 8ª Bienal Internacional do Livro intacta, como ocorre a cada dois anos, em Maceió. Nesta terça-feira (06), a universidade e sua editora, Edufal, lançaram o site oficial da Bienal e anunciaram os primeiros autores confirmados.
O velho conhecido Jessier Quirino, a amada dos jovens FML Pepper, Maria Adélia Aparecida de Souza, Gustavo Lacombe, Ricardo Lisias, Luci Colin, Leonardo Villa-forte, Mário Rodrigues foram alguns nomes anunciados no evento desta manhã, ao lado de alguns conhecidos alagoanos, Luiz Sávio de Almeida e Dirceu Lindoso.

“Alagoas será o centro desta Bienal, vamos fazer alusão aos grandes ícones literários do nosso estado. Vamos ressaltar de maneira mais forte os artistas locais”, anunciou a reitora da Ufal, Valéria Correia.

Como várias coisas neste 2017, a Bienal do Livro vai girar em torno do Bicentenário de Emancipação Política do estado de Alagoas, embora seu tema seja algo mais neutro: “Livros que envolvem, leituras que libertam”. De acordo com o diretor da Edufal, Osvaldo Maciel, esta será a primeira edição da Bienal sem o patrocínio da Petrobrás.
“Todos os cortes que o governo tem feito nas políticas públicas impactam o ensino superior e impactam também em alguns parceiros tradicionais, como a Petrobrás”, porém isso não será empecilho à realização do evento, que encontra boa acolhida no mercado livreiro. “Um pedaço da Bienal de Pernambuco acontece em paralelo a nossa Bienal e os livreiros estão preferindo vir para cá, porque não temos tantas livrarias no estado e o público compra muito durante o evento”, explicou Osvaldo.

A 8ª Bienal Internacional do Livro espera atrair 200 mil pessoas em atrações como exposição, programação infantil, palestras, mesas redondas e lançamentos de livros – apenas da Edufal serão lançados 100 títulos, metade deles resultantes de editais em parceria com a Fapeal.

Ver mais:
https://www.facebook.com/fmlpepper